o riachense

SŠbado,
13 de Julho de 2024
Tamanho do Texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

Foi grande a faena do Francisco

Enviar por E-mail Vers√£o para impress√£o PDF
Paco Vel√°squez foi muito bem recebido em Riachos
 
Exactamente seis anos depois, Francisco Pescador de Matos voltou a apresentar-se perante o p√ļblico da sua terra. A 26 de Julho de 2008 era um simples novilheiro praticante quando entrou na corrida da B√™n√ß√£o do Gado. Na tarde solarenga de 26 de Julho de 2014 estreou-se como toureiro em Portugal, cumprindo o desejo de se apresentar pela primeira vez aos aficionados e aos amigos da sua terra. O dia 26/7 pode bem tornar-se uma marca simb√≥lica na sua carreira e nas touradas em Riachos, confessa Francisco.
 
Apoio houve muito. O p√ļblico atendeu aos apelos das √ļltimas semanas e compareceu em peso, com mais de duas mil pessoas a preencherem quase totalmente as bancadas da pra√ßa desmont√°vel instalada nos Casais Pinheiros.
 
O objectivo foi cumprido. Era um risco, mas correu bem. O √ļnico ponto negativo foi a quantidade de p√≥ permanentemente levantada. O piso n√£o foi o ideal, mas reg√°-lo tamb√©m n√£o foi uma hip√≥tese considerada devido aos receios que ficasse empapado.
 
Uma colhida na primeira lide n√£o fez tremer o toureiro, que comprovou com o √ļltimo toiro n√£o ter ficado abalado com isso. Teve em Riachos a melhor faena da sua vida, disse, gra√ßas a este animal, que desempenhou na perfei√ß√£o o seu papel e permitiu encerrar a tarde em apoteose (ver cr√≠tica nestas p√°ginas). Entre dar aut√≥grafos e pousar para fotografias, Paco esteve mais de uma hora para conseguir sair da pra√ßa.
 
Destaque tamb√©m para os representantes do mundo taurom√°quico presentes, desde rep√≥rteres de publica√ß√Ķes especializadas at√© agentes do meio e profissionais diversos, como ganadeiros, bandarilheiros, toureiros, velhos e reputados aficionados, que compareceram em n√ļmero significativo, comprovando as grandes expectativas criada em redor da apresenta√ß√£o do 39.¬ļ matador portugu√™s.
 
Segue-se uma actuação em Amareleja a 14 de Agosto e depois em Arruda dos Vinhos, no dia 16. Uma apresentação no Campo Pequeno chegou a estar bem encaminhada, mas a decisão da administração da praça de não fazer corridas mistas até ao fim do ano acabou por deitar por terra a hipótese. No entanto, Paco demonstra-se muito confiante de que em 2015 estará no topo da lista de toureiros apeados que serão contactados para actuar na mítica praça.
 
Foi, pois, grande a festa de apresenta√ß√£o do matador Francisco Pescador em Riachos. Agora ter√° de percorrer um longo caminho para conquistar um estatuto que lhe garanta encontrar, por essas pra√ßas fora, um apoio do p√ļblico semelhante ao que encontrou em Riachos.
 
Os passos seguintes passam por conseguir mais datas para Portugal, tentar entrar em Espanha e seguir para a temporada de inverno no M√©xico, esta sim dada como certa. E porque nestas coisas quase tudo se norteia em nome da tradi√ß√£o, o dia 26 de Julho poder√° tornar-se uma data especial para Paco Vel√°squez, que encara seriamente a hip√≥tese de dinamizar mais uma tourada no mesmo dia de 2015 em Riachos, onde h√° p√ļblico para isso.

Actuação perfeita dos forcados
Os Forcados Amadores de Riachos continuam √† espera que a Associa√ß√£o Nacional de Grupos de Forcados re√ļna em assembleia para apreciar o seu pedido de ades√£o. Os requisitos est√£o todos cumpridos, garante o cabo Carlos Branco, que acredita que a actua√ß√£o em Riachos foi mais um passo de gigante para favorecer a entrada na associa√ß√£o. ‚ÄúEstamos em condi√ß√Ķes de estar ao lado de qualquer grupo de forcados‚ÄĚ, atirou.
 
A participa√ß√£o em mais corridas √©, por√©m muito dif√≠cil de conseguir, pois estas est√£o muito condicionadas pela posse do estatuto de associado ou pela possibilidade de troca de actua√ß√Ķes com outros grupos. Em Riachos, o grupo ainda encarou a possibilidade de convidar um grupo amigo para iniciar uma permuta, mas a organiza√ß√£o optou pela presen√ßa √ļnica dos riachenses, o que at√© foi bem aceite pelo grupo, ainda mais depois de constatada a excelente presta√ß√£o na arena.
 
Foram quatro pegas conseguidas √† primeira e a maior ova√ß√£o at√© hoje da mais recente vida dos forcados de Riachos. Numa delas, o Nuno Espalha saiu em bra√ßos, lesionado, mas uma viagem ao hospital resolveu a forte pancada que levou no joelho. Ficaram totalmente dissipadas as d√ļvidas, dos que ainda as tinham, quanto √† qualidade deste grupo, considera Carlos Branco.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 



 
 
 
 
 
 
Actualizado em ( Sexta, 08 Agosto 2014 13:56 )  
{highslide type="img" height="200" width="300" event="click" class="" captionText="" positions="top, left" display="show" src="http://www.oriachense.pt/images/capa/capa801.jpg"}Click here {/highslide}

Opini√£o

 

António Mário Lopes dos Santos

Agarrem-me, sen√£o concorro!

 

Jo√£o Triguinho Lopes

Uma história de Natal

 

Raquel Carrilho

Trumpalhada Total

 

António Mário Lopes dos Santos

Orçamentos, coisas para político ver?
Faixa publicit√°ria
Faixa publicit√°ria
Faixa publicit√°ria
Faixa publicit√°ria