o riachense

Segunda,
23 de Outubro de 2017
Tamanho do Texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

Jorge Faria reeleito, Jaime Ramos ficou a ver passar os comboios

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Na cidade ferroviária não houve surpresas nem descarrilamentos, neste caso “o peso do nome”, tentado pelo PSD com o regresso do histórico Jaime Ramos, não foi suficiente para fazer a actual maioria sair das linhas: o PS aguentou as investidas e repetiu a vitória e alcançou a maioria absoluta, deixando o PSD bastante longe e um restinho para o BE.
A CDU teve um mau resultado, perdendo o vereador alcançado em 2013 e ficando, mesmo, atrás do CDS.
Com os resultados já conhecidos na região, o PS faz praticamente o pleno nos concelhos à volta, somando vitórias e maiorias absolutas em Alcanena, Torres Novas, Golegã, Chamusca, Entroncamento e Barquinha. Será esperar demasiado que esta circunstância permita um entendimento supra-concelhio e uma dinâmica territorial que vá para lá dos umbigos camarários e dos interesses paroquiais?
PS - 4
PSD - 2
BE - 1
CDS - 0
CDU - 0
 

Opinião

 

António Mário Lopes dos Santos

Agarrem-me, senão concorro!

 

João Triguinho Lopes

Uma história de Natal

 

Raquel Carrilho

Trumpalhada Total

 

António Mário Lopes dos Santos

Orçamentos, coisas para político ver?