o riachense

Quarta,
02 de Dezembro de 2020
Tamanho do Texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

Conheça a pizzaria Lezíria Riachense

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Luís Pereira e Telmo Fazenda meteram mãos à obra e abriram o seu próprio negócio depois de alguns anos a trabalhar em restaurantes de pizzas. A pizaria Lezíria Riachense abriu no dia 2 de Fevereiro na rua Dr. Rivotti, no espaço do antigo restaurante Palheiro.
 
Os jovens cozinheiros (de 28 e 22 anos) querem diferenciar-se do que já houve no passado e do que existe actualmente na região e assumem que para “criar casa” basearam-se, em parte, na originalidade do menu.
 
A lista de 22 pizzas não apresenta nomes italianos, mas antes os gentílicos da região. Da mais simples Boquilobense (a clássica Margherita) à pizza da casa, a Riachense (com presunto, bacon, vinho do porto e cebola), temos a Meiaviense, a Alcanenense, a Torrejana, a Goleganense, a Barquinhense, a Rio-maiorense (com cocktail de camarão) e por aí fora. E há ainda a curiosidade das quatro pizzas doces (Lapeira, Casevelense, Liteirense e Zebreirense). A qualidade dos produtos é outra das apostas, sendo utilizados apenas produtos frescos, “nesta pizzaria não há enlatados”, dizem.
 
Além das pizzas, as francesinhas têm sido outro produto muito solicitado, e há também omoletes, massas, bitoques, espetadas, o naco na pedra, etc., com os pratos do dia a serem oferecidos a preços mais em conta. Por marcação, há rodízios de pizza e jantares de grupo e ainda os serviços de take away e de entregas gratuitas em Riachos e arredores.
 
A decoração castiça e rural do espaço foi mantida e reforçada, mas o espaço foi alterado, apresentando agora uma segunda cozinha, a das pizzas, que por ser aberta dá um maior desafogo ao local.

Actualizado em ( Segunda, 16 Março 2015 11:44 )  
{highslide type="img" height="200" width="300" event="click" class="" captionText="" positions="top, left" display="show" src="http://www.oriachense.pt/images/capa/capa801.jpg"}Click here {/highslide}

Opinião

 

António Mário Lopes dos Santos

Agarrem-me, senão concorro!

 

João Triguinho Lopes

Uma história de Natal

 

Raquel Carrilho

Trumpalhada Total

 

António Mário Lopes dos Santos

Orçamentos, coisas para político ver?
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária